A Fiocruz analisa uma amostra para determinar se o caso de covid diagnosticado em uma mulher que chegou há dez dias de Joanesburgo, na África do Sul, é da variante Ômicron. A paciente está assintomática.

“A gente tem uma paciente que chegou de Joanesburgo no dia 21, quando testou negativo. No dia 29, ela realizou um outro PCR de rotina, para o trabalho, e testou positivo”, afirmou o secretário municipal de saúde, Daniel Soranz, em entrevista à TV Globo, na manhã desta quarta-feira, 1º. “Colhemos nova amostra ontem (terça-feira) à noite e, hoje pela manhã, enviamos essa amostra para a Fiocurz que vai fazer a genotipagem para determinar a variante.”

Até o momento, o Brasil tem três casos confirmados da variante Ômicron, todos no Estado de São Paulo. Os dois primeiros são de um casal que chegou ao País no último dia 23, após passar pela África do Sul. Já no início desta quarta, um terceiro caso foi confirmado em um homem que desembarcou em Guarulhos no sábado, 27, vindo da Etiópia.

Outros dois casos da Ômicron ainda são investigados em Belo Horizonte e em Brasília.

Agência Estado