Rio de Janeiro – Blocos carnavalescos em 2018 no centro da cidade (Fernando Frazão/Agência Brasil)

A menos de uma semana para o Carnaval no Rio de Janeiro, o prefeito Eduardo Paes afirmou que não vai colocar a Guarda Municipal para fiscalizar se os blocos de rua estão obedecendo à ordem de não desfilar. A declaração foi dada ontem durante a vistoria dos barracões das escolas de samba.

Paes afirmou que “não vai correr atrás de folião”. Ele comentou ainda que gostaria que os blocos desfilassem no Carnaval deste ano, mas que não há tempo o suficiente para organizar o evento.

Na quinta-feira, o secretário municipal de Ordem Público do Rio, Brenno Carnavale, havia se manifestado afirmando que a cidade está sendo monitorada pela ordem pública, mas as pessoas não estão proibidas de sair nas ruas.