(Agência Brasil)

A prefeitura de São Paulo publicou um decreto que dispensa o uso de máscaras em transportes por aplicativo e táxis na capital paulista.

Pela medida, o uso obrigatório do equipamento de segurança na cidade passa a ser exigido a partir de agora apenas no transporte coletivo; como ônibus, trens, metrô e aeroportos, assim como nas unidades de saúde, como hospitais, clínicas e postos de saúde.

A nova medida da Prefeitura de São Paulo chega mais de dois meses depois que o governo de São Paulo retirou a obrigatoriedade do uso da máscara contra a Covid-19 em espaços fechados, em 17 de março.

Pelo menos 16 capitais brasileiras já deixaram de exigir o uso de máscaras em espaços abertos.

Da Redação