O presidente Jair Bolsonaro sancionou a lei que garante 5% dos recursos do Fundo Nacional de Segurança Pública (FNSP) para ações de enfrentamento da violência contra a mulher.

A medida tem o objetivo de fortalecer ações de combate a esse tipo de violência e a elaboração de um plano estadual.

(foto: Agência Brasil)

Segundo o Ministério da Justiça e Segurança Pública, desde 2019 foram repassados quase 2 bilhões e meio de reais aos estados por meio do fundo. A pasta acrescentou que as operações Maria da Penha e Resguardo I e II registraram mais de 400 mil vítimas atendidas.

No saldo há também mais de 25 mil presos, 72 mil inquéritos instaurados e quase 103 mil medidas protetivas de urgência solicitadas.

 

da Redação, com informações da Agência Brasil