Um ataque com mísseis russos atingiu um shopping center lotado na cidade ucraniana de Kremenchuk nesta segunda-feira, 27, matando pelo menos 13 pessoas e ferindo outras 50, disseram autoridades ucranianas. O número de vítimas ainda pode aumentar, já que segundo as autoridades, havia ao menos mil pessoas no local no momento do ataque.

Segundo o presidente ucraniano, Volodymyr Zelensky, o lugar não representava nenhum perigo para o exército russo; e não tem nenhum valor estratégico; e que as pessoas tentavam levar uma vida normal. Imagens divulgadas por Zelensky mostraram um enorme incêndio em um prédio amplo e uma fumaça escura subindo no céu enquanto os espectadores estavam do lado de fora.

As Nações Unidas condenaram o ataque a um alvo claramente civil como algo “deplorável”. Por videoconferência, o presidente Zelensky pediu ao G7 ajuda para que o conflito termine antes da chegada do inverno, em dezembro.

 

Redação