(foto: Divulgação)

O Guinness anunciou que a freira Lucile Randon ainda é oficialmente a pessoa mais velhinha do mundo, aos 118 anos e 73 dias de idade. Ela vive em uma casa de repouso em Tulon, na França.

O posto foi ocupado pela freira após a morte da japonesa Kane Tanaka, que tinha 119 anos e 107 dias de idade. Lucile ficou conhecida por contar que o segredo de sua longevidade é beber um copo de vinho todos os dias.

Lembrando que uma idosa de Bom Jesus da Lapa, no oeste baiano, ainda pode ser considerada a mulher mais velha do mundo.

(foto: Divulgação)

(foto: Divulgação)

 

Maria Gomes dos Reis teria 121 anos e só foi “descoberta” depois de um atendimento recente pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência.

 

(foto: Divulgação)

Dona Maria nasceu em 16 de junho de 1900, no povoado de Bela Vista, onde mora até hoje.

Para entrar no Guinness, é preciso fazer uma inscrição no site oficial do livro dos recordes.

Depois, é preciso enviar as provas e pagar taxas que chegam a até R$ 4 mil. Sem o pagamento, o processo continua, mas é mais longo.

 

 

Da Redação