Jogadores brasileiros fogem da guerra Foto: Redes Sociais

A saga dos atletas brasileiros que tentam deixar a Ucrânia em meio à invasão militar russa chegou ao fim para alguns, mas ainda muito complicada para outros.

Ontem, o lateral Busanello e os atacantes Felipe Pires, que jogou no Palmeiras, e Bill, ex-Flamengo, todos jogadores do Dnipro-1, chegaram ao Brasil.

O trio, que saiu da cidade de Dnipro, a quase 500 quilômetros de Kiev, iniciou a viagem de volta após cruzar a fronteira com a Romênia, no sábado.

O grupo com jogadores de futebol de Shakthar Donetsk e Dínamo de Kiev, e os respectivos familiares que estavam no bunker de um hotel de Kiev, deixou a Ucrânia neste domingo.

Entre os atletas estão nomes como o meia Pedrinho, ex-Corinthians, o zagueiro Marlon, ex-Fluminense, e os atacantes David Neres, ex-São Paulo, e Júnior Moraes, ex-Santos.Júnior Moraes tem nacionalidade ucraniana, já defendeu a seleção do país e viveu a expectativa de ser convocado pelo exército ucraniano.

Ainda há mais atletas brasileiros que tentam deixar a Ucrânia.