Os bombeiros localizaram, nesta quarta-feira, mais cinco vítimas dos temporais registrados nos últimos dias na Região Metropolitana do Recife e no interior do estado. Duas pessoas foram encontradas na Vila dos Milagres, no Recife, duas em Jaboatão dos Guararapes (uma no Curado IV e outra que havia sido levada pela enxurrada) e uma na cidade de Limoeiro, no Agreste. Agora são 4 as pessoas desaparecidas.

(foto: Divulgação)

Além disso, segundo o IML, mais nove corpos que deram entrada no serviço, vindos de unidades de saúde, também eram de pessoas que morreram em consequência dos temporais registrados desde o dia 25 de maio.

Com isso, subiu para 123 o número oficial de mortos e permanece em 24 o total de cidades em situação de emergência.

As buscas por desaparecidos em deslizamentos continuam na Vila dos Milagres, no Curado IV e na comunidade do Areeiro, em Camaragibe. Uma pessoa levada pela enxurrada em Paratibe, Paulista, permanece sendo procurada por mergulhadores do Corpo de Bombeiros e da Marinha do Brasil. Já o número de desabrigados subiu para 7.312 pessoas, que estão em 66 abrigos distribuídos em 27 municípios.

Ponte – moradores de uma comunidade em Jaboatão dos Guararapes, na Região Metropolitana do Recife, estão ilhados depois que a chuva derrubou uma ponte. Com a chuva forte dos últimos dias, o nível da água subiu e a correnteza arrastou o único acesso ao outro lado do rio Jaboatão. A prefeitura informou que está distribuindo cestas básicas e a Marinha vai instalar uma ponte provisória para garantir o acesso dos moradores até que a prefeitura instale uma ponte definitiva.

 

Anderson Souza, da Redação NBFM do Recife