Diversos municípios gaúchos estão em estado de alerta com a chegada de um ciclone extratropical que pode gerar fortes rajadas de ventos de mais de 100 km/h a partir desta terça-feira, 17, principalmente no litoral e Lagoa dos Patos, zona sul. Baixas temperaturas e chuva também estão previstas em algumas regiões do Rio Grande do Sul.

Em Porto Alegre, as aulas da rede municipal estão suspensas nos turnos da tarde e noite desta terça-feira, 17. Segundo a prefeitura, “a decisão se estende à rede conveniada e a medida foi tomada para preservar a segurança dos alunos e das equipes”, esclarece nota publicada no Twitter.

Em Canoas, na região metropolitana da capital gaúcha, as escolas municipais de educação infantil e instituições conveniadas, os responsáveis estão orientados a buscar as crianças mais cedo. As aulas da Educação de Jovens e Adultos (EJA) no período noturno também estão suspensas. A recomendação é válida também para as escolas particulares da cidade e a decisão seguirá sendo avaliada conforme a previsão climática e alertas da Defesa Civil Municipal.

Assim como Canoas, outras cidades da região metropolitana da capital como Eldorado do Sul, Guaíba, Cachoeirinha, Gravataí e Glorinha suspenderam as aulas entre esta terça e quarta-feira, dia 18, por conta da tempestade “Yakecan”.

Na cidade de Rio Grande, extremo Sul do Rio Grande do Sul, as aulas das escolas municipais foram canceladas preventivamente com a proximidade da tempestade, assim como na Universidade Federal do Rio Grande (Furg). Em Pelotas, São José do Norte e Mostardas a orientação das autoridades locais é a mesma: suspensão das classes.

SP terá queda de temperatura e mínima prevista de 7 graus

Na capital paulista, a mínima prevista pela Climatempo para amanhã é de 7ºC. A máxima não deve passar de 17ºC. Na quinta-feira, também há previsão de baixas temperaturas, com variação entre 8ºC e 19ºC.