Governo prepara mudanças no Enem a partir de 2024; alteração é motivada pelo novo formato do ensino médio Foto: Reprodução

O Ministério da Educação detalhou ontem o novo formato do Exame Nacional do Ensino Médio. As mudanças no Enem entram em vigor a partir de 2024, ou seja, para os alunos que entraram no primeiro ano em 2022 e farão todo o ensino médio, que tem agora um novo formato.

As provas serão feitas em duas etapas, uma por dia, como é hoje, o que muda é a divisão do conteúdo

O primeiro dia de provas será de questões obrigatórias para todos os candidatos. Serão cobradas habilidades em Matemática, Língua Portuguesa e Redação.

O segundo dia vai ser dividido em quatro blocos, cada um com uma combinação de conteúdos. O candidato vai escolher um desses blocos de acordo com o curso superior que quiser cursar.

Primeiro bloco: Linguagens, Ciências Humanas e Sociais Aplicadas.

Segundo bloco: Matemática, Ciências da Natureza e suas Tecnologias;

Terceiro bloco: Matemática, Ciências Humanas e Sociais Aplicadas;

Quarto bloco: Ciências da Natureza, Ciências Humanas e Sociais Aplicadas.

Já o conhecimento em inglês deve ser testado em diferentes momentos da prova, como no enunciado de uma questão de Ciências, por exemplo.

Outra novidade é que pelo menos 25% da pontuação da prova será para questões discursivas, ou seja, além da redação, os estudantes terão que escrever respostas por extenso ou resolver problemas matemáticos. Atualmente, fora a redação, a prova é toda de múltipla escolha.