Pesquisadores do Instituto de Oceanografia da USP concluíram que um terço de todo plástico consumido no país tem grande chance de parar no oceano. Isso corresponde a quase 3 milhões e meio de toneladas de materiais por ano. De acordo com os cientistas, 67% desses plásticos chegam ao mar pelos rios.

O estudo vai ser apresentado em um evento da ONU e identificou as cidades onde esse problema é mais preocupante. São duas da Região Norte (Manaus e Belém), oito do Nordeste (São Luís, Fortaleza, Natal, João Pessoa, Recife, Maceió, Aracaju e Salvador); seis do Sudeste (Vitória, Niterói, Rio de Janeiro, São Paulo, Praia Grande e Santos)  e uma do Sul (Porto Alegre).

Cerca de 150 milhões de toneladas de lixo plástico circulam hoje pelos oceanos. Se nada for feito, essa quantidade deverá dobrar até 2050.

 

Da Redação