(Foto: Conmebol / Twitter)

A Confederação Sul-americana de Futebol – a Conmebol – informou que não aceitou a proposta da Fifa de realizar a Copa do Mundo a cada dois anos. A entidade diz que não há justificativa para fazer um torneio bienal.

Em nota, a confederação afirmou: “Não há motivos, benefícios ou justificativas para a mudança promovida pela Fifa. Os 10 países que integram a Conmebol ratificam que não participarão de uma Copa do Mundo organizada a cada dois anos”, diz o comunicado, que foi divulgado após uma reunião do conselho do órgão, realizada em sua sede em Luque, no Paraguai.

Já a Fifa argumenta que uma Copa do Mundo bienal aumentaria as chances de outros países disputarem o torneio e que um processo de classificação simplificado, com menos datas, diminuiria as viagens dos jogadores. Os outros lados contrários criticam uma eventual mudança, afirmando que um mundial mais frequente diluiria o prestígio da competição, aumentaria o desgaste dos atletas e congestionaria ainda mais o calendário.