A menos de 10 meses do início da Copa do Mundo no Catar, foi divulgada nesta quinta-feira a primeira atualização do ranking da Fifa em 2022. Classificado antecipadamente para o Mundial e com domínio absoluto nas Eliminatórias sul-americanas – lidera de forma invicta -, o Brasil não conseguiu alcançar a Bélgica e segue na segunda posição.

Foto: Senegal/Instagram

Mas o maior destaque da lista divulgada pela Fifa vai para Senegal, campeã no último domingo, de forma inédita, da Copa Africana de Nações. A seleção senegalesa chegou à 18.ª colocação, a melhor de sua história.

Contando com uma geração badalada, Senegal conquistou o torneio continental ao derrotar o Egito, na disputa por pênaltis, após empate sem gols no tempo normal e na prorrogação. Com isso, o time que tem o atacante Sadio Mané, do Liverpool, o goleiro Edouard Mendy, do Chelsea, o volante Idrissa Gueye, do Paris Saint-Germain e o zagueiro Kalidou Koulibaly, do Napoli, chegou a uma posição histórica na tabela da entidade.

Lutando por vaga na Copa do Mundo (jogo decisivo será contra a mesma seleção egípcia em março), Senegal segue à frente de países mais tradicionais como Colômbia e Chile, além dos rivais continentais Marrocos, Egito e Nigéria. Com 1.587,78 pontos, os senegaleses estão atrás da Suécia por detalhe, tendo em vista que os europeus têm 1.588,26 pontos, na 17.ª posição.

O Brasil, no entanto, perdeu a chance de assumir o topo do ranking, colocação que não ocupa desde agosto de 2017. Caso a seleção brasileira vencesse o Equador, no compromisso durante a última rodada de Eliminatórias, em Quito (ficou no empate por 1 a 1), a seleção conseguiria a pontuação necessária para ultrapassar a Bélgica, algoz do técnico Tite e companhia na Copa do Mundo de 2018, na Rússia.

Com isso, o Brasil segue em segundo no ranking, com 1.823,42 pontos, atrás dos belgas, que têm 1828,45. Vale lembrar que os países da Europa não entraram em campo nesta Data Fifa do começo do ano.

A atual campeã mundial França continua na terceira colocação, mas logo depois do pódio houve uma mudança: a Argentina tomou a quarta posição da Inglaterra, que caiu para quinto. Completam o Top 10: Itália, Espanha, Portugal, Dinamarca e Holanda. A Alemanha subiu uma posição e agora está em 11.º.

Confira o ranking da Fifa:
1.º – Bélgica – 1.828,45 pontos
2.º – Brasil – 1.823,42
3.º – França – 1.786,15
4.º – Argentina – 1.766,99
5.º – Inglaterra – 1.755,52
6.º – Itália – 1.740,77
7.º – Espanha – 1.704,75
8.º – Portugal – 1.660,25
9.º – Dinamarca – 1.654,54
10.º – Holanda – 1.653,73
11.º – Alemanha – 1.648,33
12.º – México – 1.647,90
13.º – Estados Unidos – 1.643,34
14.º – Suíça – 1.642,83
15.º – Croácia – 1.620,74
16.º – Uruguai – 1.614,05
17.º – Suécia – 1.588,26
18.º – Senegal – 1.587,78
19.º – Colômbia – 1.585,89
20.º – País de Gales – 1.578,01